domingo, setembro 17, 2006

Falanstério 19 - Tolerância Zero

Mais uma vez nesse país o ciclista foi desrespeitado. Só que dessa vez as consequências foram graves e a pessoa teve que pagar com a sua vida. O nome dela era Fernanda Clemente Schiliró de 27 anos e era triatleta. No dia 10 de setembro ela e mais cinco amigos estavam treinando para uma competição que iria ocorrer em outubro, no Havaí, no acostamento da Rodovia Castello Branco que liga a região metropolitana de São Paulo ao Oeste Paulista. Durante o treino dois motoristas irresponsáveis de uma Kombi e de um ônibus tiraram a vida de Fernanda.

Os treinos ocorrem, justamente nas rodovias porque os acostamentos são mais largos e o fluxo de carros é menor, por isso é feito lá. O risco diminui, mas nunca termina, pois os motoristas são irrresponsáveis e não respeitam os ciclistas e os pedestres. Quando pararem de pensar mais no carro do que na vida talvez algo melhore. Enquanto isso vidas serão perdidas diretamente e indiretamente pela máquina mortífera à motor.

Presto uma homenagem a triatleta Fernanda e a todos os ciclistas que já morreram nas ruas do mundo.

Um comentário:

Paulo disse...

É Falanstério, realmente foi um acontecimento trágico. O que nos resta é continuar lutando pelos direitos de maior segurança para com o ciclista.
Esperamos todos que não aconteça mais um fato assim em que se termina com morte de alguém.
Abraço